Autoestima? Não, você não clicou errado em uma página de autoajuda. O tema desse artigo é, realmente, sobre autoestima. E é justamente por esse estranhamento que entendemos a necessidade de se tocar no assunto. Muito se fala sobre este tema relacionado à aparência física ou a relacionamentos amorosos, mas pouco se cita a necessidade de se desenvolver esse estado de espírito no ambiente de trabalho.

Autoestima? Não, você não clicou errado em uma página de autoajuda. O tema desse artigo é, realmente, sobre autoestima. E é justamente por esse estranhamento que entendemos a necessidade de se tocar no assunto. Muito se fala sobre este tema relacionado à aparência física ou a relacionamentos amorosos, mas pouco se cita a necessidade de se desenvolver esse estado de espírito no ambiente de trabalho.

 

Não adianta você ter diversas especializações, um currículo de dar inveja e as melhores recomendações: você precisa ter a confiança necessária para colocar tudo o que você é capaz de fazer em prática. A baixa autoestima distorce nossas noções de capacidade e faz com que nossas conquistas pareçam irrelevantes, o que influencia diretamente no rendimento do nosso trabalho.

 

A psicologia classifica a autoestima como uma avaliação subjetiva que a pessoa faz de si mesmo. Seja positiva ou não, ela é a principal forma de se conseguir uma autoavaliação e desenvolver a imagem que nós temos da nossa própria pessoa. Este sentimento pode ser fruto de experiências que vivemos ao longo da vida, mas, também, pode ser trabalhada no decorrer da mesma.

 

Entre os sintomas mais usuais da falta de autoestima e que influenciam diretamente no âmbito profissional, podemos destacar: procrastinação, se culpar até mesmo pelas falhas de terceiros, sofrimento excessivo diante de um erro, medo de receber críticas e a dificuldade de lidar com elas após recebê-las, guardar suas ideias e opiniões por julgá-las irrelevantes, se achar incapaz de concluir determinadas atividades (mesmo tendo qualificação acadêmica ou profissional para tal), tendência a se comparar com outras pessoas ou até mesmo precisar diminui-las, constante necessidade de aprovação e temor de rejeição.  

 

Se você se encaixou em alguma dessas características, é sinal de que algo precisa ser revisto. Por esta razão, é urgente que falemos, sim, sobre autoestima no ambiente de trabalho. Acompanhe agora algumas dicas para que você reflita sobre si mesmo, consiga aumentar o seu amor próprio e, consequentemente, se tornar um profissional ainda melhor!

 

Você não é melhor nem pior que ninguém

 

Você tem sua própria formação, a própria história de vida, a própria personalidade e muitas outras características que te fazem único. Então, pare de se comparar com outras pessoas! Mesmo que você tenha defeitos ou apresente dificuldade em determinados âmbitos, os indivíduos ao lado também podem ter. Foque em você, no que você tem de bom pra apresentar e, também, nas dúvidas e problemas que você precisa solucionar. Deixa o coleguinha ao lado solucionar os dele também, porque ninguém é perfeito e quem te garante que ele também não passa pelos mesmos questionamentos que você?

 

Valorize suas potencialidades e conheça sua história

 

Você ralou muito para chegar até onde chegou, não é mesmo? Portanto, reconheça isso e valorize cada movimento que você fez em prol de você e da sua carreira. Aliás, você não estaria ocupando determinado cargo se não fosse pelo seu potencial e seu esforço. Por essa razão, assuma que você tem qualidades, descubra-as, valorize-as e tente desenvolvê-las ainda mais. Que tal agora abrir um bloco de notas e listar todas as suas qualidades, habilidades e tudo aquilo em que você é necessário no seu ambiente de trabalho?

 

Procure melhorar sempre

 

Ter uma autoestima elevada não é sinônimo de que você não precisa ter dúvidas ou ajustes a serem feitos. Uma boa autoestima não representa perfeição, significa que você se ama o suficiente para aceitar o fato de que você é humano e está suscetível a acertar, a errar e a não deter todo o conhecimento do mundo. Portanto, se você está com dificuldade em alguma coisa, procure resolver isto com quem pode ajudar. Obstáculos não são motivações para você se sentir inferior e, sim, para se tornar um profissional ainda melhor!

 

 

Procura internet e telefonia da mais alta qualidade? Nós, da Città Telecom, estamos à sua disposição com o melhor serviço do mercado. Não é autoestima superestimada, é fato!


Precisa de ajuda para entender melhor? Solicite a visita de um de meus Consultores Especializados agora mesmo.